Tag Archives: solidão

Citação

estrada

O mundo se assusta com quem gosta de estar só.
Clichê que muitos ignoram: “Tu só estará bem com alguém quando conhecer o tesão que é se sentir bem consigo mesmo”.
Estar só também é ótimo!
Discordo do trecho que diz:
“Fundamental é mesmo o amor, é impossível ser feliz sozinho”. Parafraseando, acho impossível ser feliz faminto.
O amor é sim importante, mas que tal começar por ti mesmo?
Observo muitas pessoas que tem a CNH mas não sabem conduzir a própria vida sozinhas.
Há um tempo sou habilitada pra pilotar o fogão e recentemente comecei a pedalar.
A primeira vez sozinha foi marcada por uma vontade incrível e indescritível.
Eram 8 da manhã de um sábado e muitos nem haviam saído da cama ainda.
Sábado é um dia que acordo querendo dominar o mundo (xô preguiça) e esse não foi diferente.
Meu instinto solitário atropelou os medos e seguimos, eu e a Joaninha.
Descobri um novo caminho dentro de caminhos que já conhecia.
Vi pessoas sorrindo, outras sendo gentis, notei algumas admiradas e correspondi a diversos e entusiasmados “bom dia”.
E o mais curioso: troquei olhares com pessoas que precisavam de coragem. Coragem pra andar só, pra começar algo novo, coragem pra vida.
Decidi inserir metas em todas as pedaladas. E não digo do clichê “tempo x km’s”.
Pra mim, mais importante que essa estatística, é o que você tira de proveito no caminho.
Não há porque ter pressa e sendo assim, só saio de casa quando tenho no mínimo, o dobro do tempo previsto pra aquele percurso.
Uma das metas mais legais até agora é a de”tentar” não repetir sempre o mesmo caminho.
Ao mudar uma rua, já se avista novas pessoas, novas flores, novas dificuldades, novos ares.
Descobri um novo mundo e uma nova pessoa, aos 30, em um novo ângulo.
Encontrei pessoas carentes de sorrisos e muitas espantadas com um cumprimento correspondido, num mundo que pasmem…
Damos bom dia nas redes sociais, com lindas mensagens motivacionais, mas não cumprimentamos o motorista do ônibus, porque estamos ocupados com likes e pessoas que por vezes nem lêem.
Ao estar só você assume 101% do risco do caminho que traça.
Você é e sempre será o responsável por todas as escolhas, inclusive as que não toma.
Assim como no “Efeito Borboleta”, uma simples mudança pode gerar um efeito pra toda vida.
Que tal ser o piloto da tua vida e apreciar cada detalhe da vista?

Caminhar só

Anúncios

Esconderijo

Padrão

Esconderijo
Origem: Wikipédia
A caverna também pode ser considerada um esconderijo.
Esconderijo é o lugar criado pelo ser humano ou por outro animal para se esconder de algo ou de algum perigo. Animais que se utilizam de esconderijo são as aranhas, os ratos, os répteis.

Fuga, medo, solidão, conflito.
O fato é que por vezes nós preferimos nos esconder a vivenciar um momento de prova. Como diz minha mãe “tapar o sol com a peneira”, camuflando a realidade.
O motivo mais sincero de abordar este assunto é de abrir os olhos para a realidade e enfrentar mitos, problemas, quebrar paradigmas.
Vejo muitas pessoas responderem á uma crítica mencionando uma situação o qual outra pessoa viveu, ao invés de encarar aquele momento.
Aprenda que o que é direcionado á você deve sim, ser respondido pelas suas atitudes, independente do que elas sejam (boas ou más).
Por qual razão que seja, acredito que por vezes, a auto-confiança é extremamente importante, tanto quanto o oxigênio.
Os motivos que nos levam a esconder são diversos, e individuais. Cada um sabe como a ferida dói e quando a lágrima é de felicidade, e, em alguns momentos, todos se escondem. Seja por medo ou por necessidade, temos um esconderijo que por vezes, dificilmente conseguimos sair.
Aqui generalizo o que digo porque não me sinto só nesta questão, e sei a dificuldade que é pra reconhecermos isso.
O que notei nas minhas vivências é que este esconderijo pode ser fundamental para o crescimento, mas para alguns, ele é fim da jornada.
Quando digo de crescer apresento o que aprendi com a dor: aprendi que ela fortalece. Já cheguei a me ver sozinha, numa multidão, sentindo falta de alguém que me compreendesse, e ali entrei no meu esconderijo. Ali, vi que quase tudo estava nas minhas mãos. A escolha é minha: continuar parada, no mesmo lugar, com as mesmas atitudes ou mudar, pelo meu bem e não pelos outros, e sair daquele esconderijo para viver desafios.
É triste dizer fim da jornada, para aqueles que dão muito valor á vida. Não critico aqueles que por vezes, se veêm no direito de interromper uma história, por não ver nela um motivo bom para seguir em frente.
Todos somos dotados de força e de fraqueza, e durante nossa jornada, encontraremos “N” desafios, momentos, pessoas, distintas em si e quanto as pessoas que vivenciam, portanto, antes de criticar atitudes que você não viveu, recomendo a prática da empatia.
É muito simples taxar de louco, cego, ignorante, fraco; quando na realidade, estamos todos no mesmo mundo, onde por vezes é mais prático criticar do que ajudar o próximo.
O bem que acho muito necessário é sairmos de nossos esconderijos e visitarmos o do outro. Talvez lá, encontremos o abrigo que precisamos e mostramos a ele o sol que a poeira não está o deixando enxergar.
Solidariedade, acima de tudo, nos bons e nos maus momentos.
Enxergue o sol, da forma que é, tire o que for preciso da frente para vê-lo. Enfrente com inteligência e sabedoria, tudo na vida á dádiva.
Fique no seu esconderijo apenas o tempo suficiente para aprender, que se tem alguém que precisa da sua força, esta pessoa é você mesmo.
Deus não lhe dará um fardo mais pesado do que pode carregar.