Tag Archives: risco

Portas

Padrão

O que você faz quando está diante de uma que não conhece?

Se for como eu, responderia que “depende de como estou”.

Quando notamos uma porta, costumeiramente não nos damos conta da importância de cada uma.

Ao abrir, estará se arriscando. Ao ignorar também.

Há aqueles que abrem, escandalosamente.

Outros, que por medo, só a tocam.

– Pessoas felizes costumam abrir algumas portas, por empolgação.

Com ela, a ilógica da coisa. Por não pensarem um pouco antes, podem se decepcionar com o que veem. Assumem os riscos, por talvez não se contentarem com o que tem e querer sempre sempre sempre mais. Outrora, dependendo da porta, podem conquistar algo que não tinham, e quem sabe, renovar a felicidade que julgavam possuir. A vida é risco.

– Pessoas “não tão felizes” podem sentir medo. Abrir uma porta pode representar a eles um risco demais a ser corrido. Ao mesmo tempo, não abri-las o deixará no mesmo lugar, e desta forma poucas serão as chances de algo novo (e melhor) acontecer. A vida é risco.

– Os mais vividos pensarão bem antes de abrir qualquer porta ou até mesmo uma janela. Recordando-se das portas que já abriu, não agirá aos extremos. Só abrirá ou a ignorará quando estiver apto a assumir as consequências de ambos. A vida é risco.

– Os mais otimistas, poderão escancarar ao invés de abrir somente. Estes contarão com uma consequência (ou resultado) do tamanho de sua empolgação. A vida é risco.

– Os confiantes podem abrir e deixa-la encostada ao sair. Têm em si, que poderão voltar quando quiser. Nem sempre uma porta fica aberta pra sempre. A vida é risco.

– Tomados por sentimentos repentinos de negativismo, outros poderão batê-la fortemente e até machuca-la na saída. Ao passar de novo por ela, um tempo depois, talvez sinta vontade de entrar. Mas, foi ele mesmo quem a fechou. A vida é risco.

– Por fim, há quem nunca fecha uma porta. Por descuido, por medo ou simplesmente por opção de liberdade. Uma vez que fechada, nem sempre será possível abri-la de novo. Uma vez que aberta, um mundo diferente á espera, cheio de obstáculos e fortalezas.

Notando que uma porta representa uma passagem, uma transição, eu digo a você que sempre é tempo de decidir. Estagnar é uma consequência do medo, que te permite ficar no mesmo lugar sempre.

Muitos não fecham portas por terem em mente que elas estarão abertas sempre, e se preparam para decidir. O mundo não pára, as pessoas que param seus mundos.

– Quando você estará preparado?

Muitos também deixam para abri-las sempre depois.

– Até quando haverão portas?

Outros abrem sempre, independente do momento.

– Você precisa disto, ou se contenta com o que tem?

Independente da situação que esteja vivendo, consequências virão, abrindo portas ou não.

Existe um medo (e o motivo) engraçado que paralisa as pessoas diante de uma porta:

O medo de ser FELIZ!

Afinal, você está vivo pra que? Eu digo com toda certeza:

PARA SER FELIZ! Mas pra isso, você precisa ser forte.

Boa passagem a você.

Aproveite as oportunidades.

Valorize o aprendizado de cada uma.

Cuidado para não perder algo raro quando sair.

Ao entrar, transmita o que possui de bom.

Pense e observe, sempre.

Ao estar diante de uma porta lembre-se:

A vida é risco!

“Quem não estiver preparado pra perder o irrelevante, não estará apto para conquistar o fundamental.”  (Augusto Cury)


Anúncios

Reflexos

Padrão

Ao olhar no espelho, vemos refletida nossa própria imagem. E só!

O reflexo que vemos é resultado daquilo que nós construímos e que ao longo do tempo, foi se modificando.

Logicamente que não se refletirá o interior, mas cada um sabe importância dele quando se olha ali.

A vida é uma variável constante.

Por vezes, ficamos esperando reflexos positivos quando estamos transmitindo algo negativo.

Assim como num espelho, não é possível ver o reflexo de algo que não está sendo transmitido.

Não espere bons retornos daquilo que você não cultiva.

Se quer receber o bem, faça bem as pessoas, proporcione o bem á você.

Não trate com ódio, e queira receber amor em troca.

Se valorize antes de tudo, para que um dia possa ser valorizado por outra pessoa.

Não realize grandes coisas esperando sempre um retorno, positivo ou negativo.

Se sentir vontade, apenas faça!

Muitas vezes desanimamos e fracassamos esperando resultado pra tudo, de imediato.

O que é seu, virá com toda força! Com o tempo, talvez quando se menos esperar.

“O que atrai no risco é a certeza do resultado incerto” Thimer

Bem como em sentimentos, nossas ações refletem muito o que queremos.

Determinação, antes de tudo, mostrará o que você realmente quer.

Muitos ao se olhar no espelho, não vêem nada além da aparência, pois passam a vida toda zelando por aquilo.

Outras, não enxergam necessariamente o que queriam, mas se satisfazem justamente por isso: ser  incrível por dentro, sendo esta uma descoberta pra poucos.

Os que não se contentam com nada do que vêem e com o que são, podem se justificar dizendo que nada deu certo, e talvez ali, tenha faltado a eles ver o reflexo de outras pessoas que venceram.

Espelhos são frágeis, e também quebram.

Em algum momento, nos sentiremos em pedaços, e talvez estes nos mostrem o sentido de algo.

Ás vezes, só notamos a importância de algo quando parte dele se quebra ou é levado embora.

Você é resultado dos reflexos que vêm transmitindo.

Suas atitudes definem quem você é.

Por melhor que se veja no espelho, não tente agradá-lo somente.

Cuide do seu bem estar interior. Este sim lhe proporcionará bons reflexos.

“Você atrai aquilo que transmite.”